Beleza

Às vezes, num mundo tão duro e tão cheio de tristezas, somos realmente obrigados, por nossa mente cansada, a encontrar um ponto de apoio, um farol, algo que, ainda que não justifique por si próprio a existência, nos forneça um sentido capaz de nos prender um pouco mais firmemente a esse caminho tão estranho, que percorremos sem o ver e sem saber aonde nos leva.

A Beleza, para mim, pode às vezes cumprir esse papel, por isso a estimo profundamente sempre que a encontro. Ela pode vir dos mais diversos lugares e das mais diversas formas, surpreendendo-nos na luz estranha que a uma certa hora, por alguns instantes, atravessa frestas fortuitas entre edifícios e empresta certa graça a uma cidade feia; ou na silhueta graciosa de alguém com quem cruzamos rapidamente numa esquina e contemplamos apenas tempo suficiente para, sem saber quem é, de onde vem ou para onde vai, apenas pressentir que, ali e naquela hora, é feliz; ou no olhar de surpresa seguido pelo calmo cair em silêncio de quem subitamente descobriu que de nada vale discutir, objetar, contra o curso da história ou contra a estupidez universal; ou no semblante da pessoa amada que, em meio a um sono agitado, subitamente se acalma e repousa. São muitas possibilidades incomuns, é preciso estar-se atento.

E, claro, ela frequenta, embora não sempre tão assídua, as manifestações da Arte. Das artes, tantas quantas possam existir. Compartilho uma delas, que me enlevou pelos minutos todos que a execução leva: a interpretação, transcendente, de Hélène Grimaud (1969-), da transcrição para piano de Ferrucio Busoni (1866-1924) da Chaconne da Partita para Violino nº 2, em Ré menor, índice BWV 1004, de Johann Sebastian Bach (1685-1750).

Anúncios

Há espaço para comentários, que só são publicados após dupla moderação, automática e manual. Mensagens ofensivas ou sectárias serão eliminadas automaticamente pelo software, e provavelmente ninguém jamais as lerá, por isso o tempo de escrevê-las é perdido desde o início.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: